Select Your Favourite
Category And Start Learning.

10 conceitos essenciais de matemática financeira que todos deveriam conhecer

A matemática financeira é uma ferramenta indispensável no nosso dia a dia, que nos permite tomar decisões mais informadas sobre investimentos, poupança, empréstimos e muitos outros aspectos relacionados ao dinheiro.

Mas não se preocupe, você não precisa ser um gênio da matemática para entender seus conceitos básicos. Vamos descomplicar alguns dos termos mais importantes que todos deveriam conhecer.

INSCREVA-SE GRÁTIS E RECEBA NOSSOS CONTEÚDOS

E no final, temos uma dica especial para quem quer se aprofundar ainda mais no assunto!

 

1. Juros simples e compostos

Juros simples: Nesse tipo de juros, os rendimentos são calculados apenas sobre o valor principal, ou seja, o montante inicial investido ou emprestado. Ao final de cada período, os juros são calculados e adicionados ao principal, sem sofrer alterações.

Juros compostos: Aqui, os juros são calculados sobre o valor inicial (principal) mais os juros acumulados em cada período anterior. Esse método de cálculo gera um crescimento exponencial do montante ao longo do tempo, já que os juros são reinvestidos e geram mais juros.

Confira uma explicação mais detalhada sobre esse assunto em nosso artigo Como calcular taxa de juros simples e compostos?

 

2. Valor presente (VP) e valor futuro (VF)

Valor presente é o valor atual de um montante futuro, descontado a uma determinada taxa de juros. Essencialmente, é o quanto você precisaria investir hoje para alcançar um determinado valor no futuro, considerando uma taxa de juro específica.

Valor futuro é o valor que um investimento feito hoje valerá no futuro, considerando uma taxa de juro específica.

 

3. Taxa de retorno

A Taxa de retorno é uma medida do ganho ou perda de um investimento ao longo de um determinado período, expressa como uma porcentagem do investimento inicial.

Ela é calculada dividindo o lucro (ou prejuízo) do investimento pelo valor inicial do investimento.

 

4. Anuidades

Anuidades são séries de pagamentos fixos feitos ou recebidos em intervalos regulares.

Existem dois tipos principais: anuidades ordinárias (pagamentos no final de cada período) e anuidades antecipadas (pagamentos no início de cada período).

Elas são frequentemente usadas para calcular pagamentos de empréstimos ou rendimentos de investimentos.

 

5. Amortização

A Amortização é o processo de pagamento de dívidas em prestações, onde cada pagamento reduz tanto o principal quanto os juros.

Compreender a amortização é crucial para gerenciar empréstimos e hipotecas.

 

6. Taxas nominais e efetivas

A Taxa nominal é a taxa de juros declarada de um investimento ou empréstimo, sem ajuste para a inflação ou a frequência de capitalização dos juros.

A Taxa efetiva, entretanto, ajusta a taxa nominal para refletir o efeito da capitalização durante um ano. É uma medida mais precisa do custo real ou do rendimento de um investimento.

 

7. Inflação

Inflação é o aumento geral dos preços dos bens e serviços, levando à diminuição do poder de compra da moeda.

A inflação afeta a matemática financeira ao reduzir o valor real dos retornos de investimentos. Investidores precisam buscar taxas de retorno que superem a inflação para garantir o crescimento real do capital.

 

8. Risco e retorno

A relação risco e retorno é um princípio fundamental que indica que, para alcançar maiores retornos sobre um investimento, geralmente é necessário aceitar um maior risco.

Diferentes tipos de investimentos carregam diferentes níveis de risco e, consequentemente, oferecem diferentes expectativas de retorno.

 

9. Capital de giro

Capital de giro é o capital necessário para financiar a operação diária de uma empresa, incluindo comprar estoque, financiar créditos a clientes e manter a operação.

É calculado como o total de ativos circulantes menos o total de passivos circulantes.

 

10. Ponto de equilíbrio

O Ponto de equilíbrio é o nível de produção ou de vendas em que a empresa não tem nem lucro nem prejuízo.

O cálculo do ponto de equilíbrio ajuda os gestores a entender a quantidade mínima de produto que precisa ser vendida para cobrir os custos fixos e variáveis.

 

Aprofunde seus conhecimentos em Matemática Financeira

Se você achou esses conceitos interessantes e quer aprofundar seu entendimento sobre como a matemática financeira pode ajudá-lo a tomar melhores decisões financeiras, temos uma ótima notícia!

O Veduca oferece um curso gratuito de matemática financeira que cobre todos esses tópicos e muito mais. Este curso é ideal para quem deseja ampliar seus conhecimentos financeiros, seja para objetivos pessoais ou profissionais.

Não deixe passar a oportunidade de entender melhor o mundo das finanças e de fazer seu dinheiro trabalhar para você. Inscreva-se agora no curso gratuito de matemática financeira do Veduca e dê o primeiro passo para uma vida financeira mais sólida e segura.

 

Leia mais:

 

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LinkedIn
Share
WhatsApp